Enxaguante bucal é tudo igual?

Enxaguante bucal é tudo igual?

Enxaguante bucal é tudo igual? Sou a DraLineia Torres e venho conversar hoje sobre isso …

           Primeiro, é importante reforçar que o enxaguante bucal deve ser utilizado depois de passar o fio dental e de escovar os dentes.

        O enxaguante não remove a placa bacteriana (biofilme dentário) que fica grudada nos dentes, ele também não remove o biofilme do dorso da língua. O produto tem apenas uma ação química, que não substitui a limpeza manual, portando, ele é um adjunto do combo escovação perfeita.

      Normalmente, os princípios ativos contidos nas soluções não prejudicam a flora bucal, logo, não há contraindicações, todavia, existe indicações especificas para caso clínico individuais, ai o dentista indica conforme perfil epidemiológico do paciente.

     As versões com álcool devem ser evitadas por idosos, gestantes, dependentes químicos e pacientes em quimioterapia e radioterapia.

    Alguns produtos usam doses extras de flúor e/ou contêm agentes branqueadores dos dentes em sua composição. Há produtos que contêm álcool e outros que não. O álcool, de qualquer tipo, não só dos enxaguante, ataca a superfície das resinas, deixando-as mais porosas. Essa porosidade faz com que os corantes dos alimentos se depositem sobre elas e altere a cor inicial dos dentes, comprometendo a estética.

       Gostou dessas dicas? Se foi útil para você, comente, compartilhe, vamos divulgar informação de valor e confiável…Um grande abraço, até breve…

Dra. Lineia Torres
cirurgiã dentista CRO 1379
   Odontoarch


fone 086 3227 1661
86 999977 6892 wz

 http:// www.odontoarch.com.br

@odontoarchdra.lineia

Deixe um comentário

ESTAMOS NO YOUTUBE